Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Sapos do Ano

Evento independente que visa premiar os melhores blogues da nossa praça (não ligado a qualquer plataforma/empresa ou entidade)

Sapos do Ano

Evento independente que visa premiar os melhores blogues da nossa praça (não ligado a qualquer plataforma/empresa ou entidade)

01.12.19

Terminou...

Estão encerradas as votações. Agora é tempo de analisar e verificar os emails e depois, no dia 17 de Dezembro, informaremos quem foram os vencedores do pacote de açúcar (ou adoçante).

Mas agora é tempo de…

Este é o último ano de existência dos Sapos do Ano. Foi muito bom enquanto durou mas a realidade é que, quando dei este nome ao pseudoconcurso que idealizei em 2017, pensei que seria uma coisinha pequenina e que não teria a dimensão que tem hoje.

Na altura, em cima do joelho, não me lembrei de outro nome. E muito menos me lembrei que correria o risco de ser associado ao SapoBlogs. Até porque nem pensei que se repetiria.

Portanto, depois de três anos, Os Sapos do Ano fecham as suas portas.

Não paniquem ainda. Fechamos as portas aos Sapos do Ano e abrimos um novo concurso. Com as mesmas regras, mantendo-se caseiros e independentes e com o único intuito de dar conhecer outros blogs que, no dia-a-dia, nos passam despercebidos…

Pedimos, por isso, sugestões aos finalistas para um nome que fosse tcharan! mas que conseguisse manter a ideia base dos Sapos do Ano. Das sugestões que nos enviaram, a comissão escolheu dez.

E agora é a tua vez. Até dia 17/12 acede ao formulário abaixo e vota no teu nome favorito.

Vamos a votos?

 

28.11.19

Finalistas 2019 - The Travellight World

Hoje conversámos com uma das finalistas do Sapos do Ano, na categoria Viagens, a Ana. Ela é autora do blog The Travellight World.

  1. Conta-nos como foi o nascimento do teu blog. O Blog nasceu da minha necessidade de ter um registo das minhas viagens pelo mundo “para mais tarde recordar” e da minha vontade de partilhar as minhas memórias e impressões sobre destinos e culturas, com as outras pessoas.
  1. Como tem sido a interacção com outros bloggers? Há sempre pessoas e blogs com quem interages mais e com quem tens mais afinidade, mas no geral a interação com todos os outros bloggers tem sido muito positiva. Sinto-me muito bem aqui na plataforma do Sapo Blogs 😃
  1. O que achas que leva as pessoas a gostarem do teu blog e a seguirem-te Acho que gostam das fotografias (espero que gostem da escrita também) e me seguem porque procuram inspiração para destinos de férias, para escapadinhas ou para petiscos. 
  1. Consideras que o teu blog está bem categorizado nos Sapos do Ano? Este ano está na categoria “viagens”, por isso está na categoria perfeita!
  1. Quem levarias contigo para a ilha de Adão e Eva? A resposta não é original, mas para o paraíso ficar completo tinha de levar a minha cara-metade, os meus gatinhos e o meu cão.

 

E ainda deixou-nos uma mensagem:

Para quem ainda não me conhece, eu sou a Ana do blog de viagens The Travellight World e esta é a segunda vez que o meu blog está nomeado para os Sapos do Ano e eu só posso agradecer porque se fico genuinamente contente quando alguém visita e comenta o meu blog, nem queiram saber o que eu sinto quando me nomeiam para finalista dos Sapos. Se eu ganhar então, ninguém vai poder comigo! 😜

 

Podem votar nesta final aqui

28.11.19

Finalistas 2019 - Ainda Solteira

Hoje conversámos com uma das finalistas do Sapos do Ano, na categoria Sexo e Diário Intimo. Ela é autora do blog Ainda Solteira.

  1. Conta-nos como foi o nascimento do teu blog. Este blog, o segundo por mim criado, foi parido às portas do verão de 2015, poucos dias após ter-me despedido do cargo de gestora de social media de uma figura pública. Como já estava familiarizada com a blogosfera, já que uma das minhas funções consistia precisamente na gestão de vários blogs – sendo um deles meu adversário direto nesta corrida aos Sapos do Ano, dá para acreditar? – nada mais natural que resolvesse criar o meu próprio blog. Após um brainstorming com colegas e profissionais do meio e uma pesquisa sobre os temas com maior saída, decidi criar aquele, que primeiro batizei de À beira dos 40 e ainda solteira. So what?! Reconhecendo que o nome era demasiado extenso e demasiado provocador, encurtei-o para apenas Ainda Solteira. Nessa altura contava com 36 anos e já não suportava levar com os comentários alheios sobre a minha condição amorosa. Com maior ou menor pitada de malícia, ouvi de tudo: porque não tinha namorado, porque não tinha filhos, porque as amigas e colegas já estavam todas casadas e paridas e eu não, porque o prazo de validade para engravidar estava a expirar, porque uma mulher sem homem é como um carro sem motor, porque tinha uma relação clandestina, porque não gostava de homens, porque tinha mau feitio, porque tinha a mania, porque isto, porque aquilo, porque aqueloutro. Levava com essas bocas da família, dos amigos, dos colegas, dos conhecidos, dos desconhecidos, dos indiscretos, dos condescendentes, dos genuinamente preocupados, dos ressabiados, dos invejosos, dos piedosos, dos moralistas, dos amorais, de todos, o tempo todo. Portanto, a solteirice era um tópico com o qual me sentia à vontade para escrever.
  2. Como tem sido a interação com outros bloggers? Espetacular! Comentamos, partilhamos experiências, trocamos “likes” e, volta e meia, recomendamo-nos uns aos outros (mais eles do que eu, admito). Alguns já considero amigos, de tanto que estamos por dentro da vida um do outro. Atrevo-me a dizer que somos uma comunidade, cuja realização máxima é o sucesso individual a par do sucesso coletivo. Dou um exemplo: quero ganhar este Sapo do Ano, e estou a fazer por isso, mas se for para perder prefiro que seja para uma das adversárias que já considero uma amiga.
  3. O que achas que leva as pessoas a gostarem do teu blog e a seguirem-te? Citando palavras dos próprios, os leitores/seguidores gostam acima de tudo da forma como me expresso; da autenticidade, da assertividade, da descontração e da verdade com que abordo os temas. Deles só tenho recebido elogios, cada um mais inspirador que outro. Pessoas, sobretudo mulheres, que me confidenciam como as ajudo a encarar a solteirice com outros olhos. Que ao lerem o que escrevo se sentem mais confiantes, mais firmes na sua decisão de se manterem solteiras a estar numa relação que não lhes traz felicidade.
  4. Consideras que o teu blog está bem categorizado nos Sapos do Ano? Sem dúvida! A categorização deste ano agradou-me bem mais do que a do ano passado. Por não o identificar como um blog de ou sobre sexualidade, a alteração da sua categoria para “Diário Íntimo e Sexo” reflete muito mais a sua essência, já que o Ainda Solteira é, seguramente, um diário íntimo que aborda o tema sexo com bastante frequência. 
  5. Quem levarias contigo para a ilha de Adão e Eva? O tal rapaz lá do ginásio, sobre o qual escrevi várias vezes.
 
E ainda deixou-nos uma mensagem:
 
Por fim, mas não menos importante, permito-me estas palavras amigas aos mentores disto tudo:
Magda&David, a dupla maravilha por detrás desta magnífica iniciativa, que, mais do que distinguir os melhores blogs (não comerciais) de Portugal, dá-nos a oportunidade de nos conhecermos uns aos outros, de nos darmos a conhecer, mas sobretudo, de nos conhecermos a nós mesmos. Independentemente de ganharmos, o facto de estarmos nomeados já é uma vitória, pois para chegarmos a este ponto é porque temos capacidade, qualidade, tenacidade e um amor imenso pelas palavras.
Bem haja aos promotores, aos competidores, aos leitores, aos seguidores, aos admiradores e aos eleitores.
 
 

Podem votar nesta final aqui

27.11.19

Finalistas 2019 - Blog Música para a Alma Vibrar

Hoje conversámos com uma das finalistas do Sapos do Ano, na categoria Generalista, a Sofia. Ela é autora do blog Blog Música para a Alma Vibrar.

  1. Conta-nos como foi o nascimento do teu blog. O meu blog, “Música Para Alma Vibrar!”, nasceu a 09 de Janeiro de 2016. Nessa altura a ideia e o desejo de criar um blog crescia a cada dia, uma vez que tinha descoberto a blogesfera e adorava falar com outros bloggers. Havia um problema. Não nasci com a paixão nem com o dom da escrita, nem era algo que adorasse. Só faria sentido partilhar algo que me apaixona-se e me fizesse feliz. Queria transmitir boas energias aos outros bloggers. Até que se fez luz “e se um fizer um blog, só para partilhar as minhas músicas favoritas?” A música é uma das grandes paixões da minha vida. Existe para todos os gostos e momentos da nossa vida. Apesar de cada vez ter menos tempo para o meu cantinho, cresceu e consegui cumprir o objetivo do ano passado. Dei um novo look e criei uma nova rubrica “A Melodia das Palavras”.Nesta rubrica partilho a opinião sobre os livros que leio. Até criei um novo blog “O Meu Cantinho Encantado”, onde partilho uma paixão recente mas, a crescer descontroladamente: A minha paixão pelas plantas.
  2. Como tem sido a interação com os outros bloggers? A Blogesfera mudou muito neste últimos 4 anos. É um processo natural, pois a vida de cada um de nós também muda. As responsabilidades são a prioridade para quem tem um blog como hobbie ou escape. Tenho saudades dessas pessoas especiais que entraram na minha vida e passaram a fazer parte dela. É incrível a ligação que podemos criar com alguém não conhecemos pessoalmente. Felizmente algumas tive a sorte de as puder conhecer pessoalmente. Apesar das mudanças continuam a surgir novos bloggers, que se revelam pessoas fantásticas. E isso é que me faz continuar…
  3. O que achas que leva as pessoas a gostarem do teu blog e a seguirem-te? Sinceramente, o facto de ser genuíno! É isso que procuro noutros blogs. Partilho as minhas alegrias e tristezas. Sou frontal! Há coisas que têm ser ditas. Não me venham com o politicamente correcto, só para ficar bem na fotografia. E detesto quando me querem fazer de parva. Acima de tudo quero transmitir boa energia para a comunidade, acompanhada de boa música.
  4. Consideras que o teu blog está bem categorizado nos Sapos do Ano? Sim! Sem dúvida. No meu blog partilho um pouco de tudo.
  5. Quem levarias contigo para a ilha de Adão e Eva? Estamos a falar do paraíso ou da praia em Niterói? Em ambos os casos, leva as pessoas que amo, inclusive os meus dois pestinhas de quatro patas, a Fénix e o Puma. E como é habitual a minha entrevista não podias ser partilha uma música, com boa energia. Desafio-vos a ficar com o pezinho parada. A música “ Higher Love!” que é o meu toque de telemóvel. O Dj Kigo é um dos meus favoritos e fui buscar a voz da diva Whitney Houston

 

E ainda deixou-nos uma música. Apreciem!

Podem votar nesta final aqui

27.11.19

Finalistas 2019 - The name is Mia & Inconfess@vel

Hoje conversámos (em dose dupla) com uma das finalistas do Sapos do Ano, na categoria Sexo e Diário Intimo. Ela é autora dos blogs inConfessavel e The name is Mia.

 

The name is Mia

 


  1. Conta-nos como foi o nascimento do teu blog. Este blog nasceu no dia 30 de outubro de 2017, foi a minha maneira de gritar ao mundo a minha opinião sobre, o que tenho vindo a ver á minha volta. Achei que o tema sexualidade e assédio não era falado o suficiente, e o pouco que se lia era demasiado "cor-de-rosa" e hipócrita.

  2. Como tem sido a interação com outros bloggers? Muito boa, pessoas que eu nunca pensei que poderiam comentar um blog destes. Entreajuda, preocupação, risadas. Comentários surpreendentes e que fazem jus ao lema, blogues com gente dentro.

  3. O que achas que leva as pessoas a gostarem do teu blog e a seguirem-te? Uns dizem que é a escrita, a minha maneira de dizer as coisas, outros dizem que é pelas novidades. Eu acho que é porque nunca sabem o que vou inventar. Pela certeza de que vão pelo  menos sorrir ao ler as minhas parvoeiras.

  4. Consideras que o teu blog está bem categorizado nos Sapos do Ano? Umm, mais ou menos. Este blog não é um diário intimo e apesar de falar sobre sexo, não é só sobre sexo que fala, fala da sensualidade, da qualidade de vida, das relações. De sex toys claro. A categoria do ano passado, estava mais bem enquadrada. Mas sei que de entre todas as disponíveis este ano , sim é nesta que se insere melhor.

  5. Quem levarias contigo para a ilha de Adão e Eva? O meu mais que tudo. Com todas as imperfeições e defeitos que tem, a vida não era melhor sem ele. Era insonsa e eu gosto de coisas salgadas.


 

Ás pessoas que nomearam este blogue, um grande obrigada, é bom ser lembrada. É também muito bom participar neste evento e por vezes sinto que não estou á altura da consideração que as pessoas têm por mim. Beijos a todos.

 

E não se fica por aqui....

 

Inconfess@vel


  1. Conta-nos como foi o nascimento do teu blog. O Nuno do blog Diário de um Urso, desafiou a mim e mais uns quantos a escrever contos eróticos. Este projecto não foi para a frente, mas eu já tinha aqui umas quantas histórias e decidi criar um blog para as publicar, assim um bocado a medo, mas enfim.

  2. Como tem sido a interação com outros bloggers? Basicamente são eles a perguntar quando é que lanço outra história, nem sei como é que me aturam.

  3. O que achas que leva as pessoas a gostarem do teu blog e a seguirem-te? As pessoas gostam de ler contos eróticos, mesmo que digam que não. Seguem-me porque gostam do estilo de escrita, acho eu. 

  4. Consideras que o teu blog está bem categorizado nos Sapos do Ano? Sim, este blog é mesmo um diário ainda que seja de uma personagem inventada.

  5. Quem levarias contigo para a ilha de Adão e Eva? Não sei, a Maria pode decidir levar o seu ainda por escolher dominador, ou pode escolher a Rute ou outra personagem que ainda não apareceu.


 

Se vou partir os pratos todos nas próximas publicações, sim vou.

 

Podem votar nesta final aqui
26.11.19

Finalistas 2019 e aniversariante - Stone Art Books

Hoje conversámos com uma das finalistas do Sapos do Ano, na categoria Livros, a nossa querida Magda. Ela é autora do blog Stone Art Books.

  1. Conta-nos como foi o nascimento do teu blog. O Stoneartbooks nasceu num dia que não me lembro se era de chuva ou de sol, logo a seguir a ter publicado uma foto das minhas patudas a passear na praia. Como a equipa do Sapo Blogs tinha colocado o Stoneart no separador dos livros, houve uma personagem que comentou “mas o que é que livros tem a ver com cães?” E eu pensei: de facto… porque é que não hei-de separar os temas? E assim fiz. No dia 22 de Setembro de 2015 nasceu o Stoneartbooks. Um ano mais tarde, em Outubro de 2016,  a minha querida Gaffe teve o trabalho de fazer um novo layout que se mantem até hoje  e que eu adoro.
  2. Como tem sido a interacção com outros bloggers? Péssima para a minha carteira. Péssima para a minha estante da vergonha (onde coloco os livros que ainda não li). Eu até era mais ou menos controladinha na hora de comprar livros mas desde que comecei a ler outros blogs sobre livros e a trocar opiniões sobre as leituras… foi a desgraça. Portanto é muito má de tão boa que tem sido.
  3. O que achas que leva as pessoas a gostarem do teu blog e a seguirem-te? Honestidade nas opiniões, penso eu. Ou pelo menos acredito que sim. Se não gosto, não gosto e digo‑o mesmo que o livro me tenha sido enviado por alguma editora para publicar a opinião. Tento sempre não falar muito na história – até para evitar spoilers – mas sim nas minhas sensações sobre o livro, a escrita e as personagens.
  4. Consideras que o teu blog está bem categorizado nos Sapos do Ano? Dificilmente poderia estar noutra categoria dado que o Stoneartbooks apenas fala sobre livros….
  5. Quem levarias contigo para a ilha de Adão e Eva? Mas afinal isto são os Sapos do Ano ou o Desafio dos Pássaros? Assim não há condições…. Ora bem, levaria livros, muitos livros. Quiça até o meu Kobo. Nada como aproveitar todos os momentos para ler.

Não nos deixou uma mensagem porque não deixei [sou o David agora, pois claro], por isso agora isto é tudo meu:

Magda, como sei que fazes 27 anos hoje, queria desejar-te os mais sinceros Parabéns!

Depois desejar que, até chegares aos 28 anos (e renovamos para o ano os votos), continues a espalhar o teu magnífico trabalho em diversas frentes. Pergunto-me às vezes como consegues dedicar-te a tanta coisa com essa tamanha paixão. E tem sido desafiante e engraçado fazer contigo este Sapos do Ano nos últimos dois anos. Estou preparado para assumir um terceiro mandato, mas desta vez damos um pastel de nata em vez de um pacote de açúcar. Ou um palmier recheado na loucura.

Tem um feliz dia e parabéns por teres chegado à final.

 

Podem votar nesta final aqui

25.11.19

Finalistas 2019 - A Gaffe e as avenidas

Hoje conversámos com uma das finalistas do Sapos do Ano, na categoria Generalista. Ela é autora do blog A Gaffe e as avenidas.

Conta-nos como foi o nascimento do teu blog? Não me lembro! Olhei para o lado e, quando voltei o pescoço, já cá estava. Dei-lhe o nome da primeira palavra que li. Felizmente nunca leio merda.  

Como tem sido a interacção com outros bloggers? Não interajo muito. Raramente comento as maravilhosas pessoas que habitam os blogs e fico pela pobreza do meu próprio espaço. Talvez com medicação isto lá vá. Então vá.  

O que achas que leva as pessoas a gostarem do teu blog e a seguirem-te? As pernas. Sobretudo de costas. As pernas, sem dúvida. As minhas – longuíssimas – e as dos meus seguidores que as usam também para fugir depois.  

Consideras que o teu blog está bem categorizado nos Sapos do Ano? Sim. Pourquoi pas?! Sou uma rapariga muito dada a generalidades e nada a generais.

Quem levarias contigo para a ilha de Adão e Eva? Tercio de Extranjeros daLegión Española.

 

Podem votar nesta final aqui

25.11.19

Finalistas 2019 - 3ª face

Hoje conversámos com uma das finalistas do Sapos do Ano, na categoria de Poupança. Ela é autora do blog 3ª face.

 

  1. Conta-nos como foi o nascimento do teu blog. Eu acredito que a vida é feita de oportunidades. No momento em que perdi a realização profissional, não passei muito tempo a lamentar-me. Fiz o luto e segui em frente. Afinal, tinha mais tempo. Abri janelas a sonhos guardados na gaveta. Um deles era a escrita. E num momento de ENORME coragem, criei o blog. Mal sabia que acabara de me nascer o 3º filho…
  2. Como tem sido a interacção com outros bloggers? Eu tinha muitos preconceitos em relação aos blogs. Os poucos que conhecia (os mais famosos) centravam-se na publicitação de marcas, que acaba por incentivar o consumo. E eu queria muito falar de poupança. Mas descobri uma comunidade fantástica. O slogan “blogs com gente dentro” resume tudo aquilo que sinto. O espírito de partilha (do conhecimento, dos desabafos, das alegrias…) é uma dádiva do Sapo.
  3. O que achas que leva as pessoas a gostarem do teu blog e a seguirem-te? Não consigo responder claramente. Ainda hoje me questiono sobre isso. É que o meu blog é um pouco de tudo o que sou e não tem um tema específico. Gosto muito do tema POUPANÇA mas as preocupações com o ambiente ocupam uma boa fatia do espaço. Não resisto a falar sobre os meus hobbies. E ainda há a paixão pela escrita criativa…Daí o nome de 3ª Face. Talvez as pessoas se revejam na simplicidade com que bordo os retalhos da vida…
  4. Consideras que o teu blog está bem categorizado nos Sapos do Ano? Como já disse, o meu espaço fala sobre temas muito diversos. Mas, pensando bem, o grande chapéu agregador é a poupança. Até o artesanato surgiu na minha vida para poupar em presentes, nos anos áureos da crise…Por isso, A 3ª Face não poderia estar em melhor categoria (Posso aproveitar para agradecer aqui a quem me nomeou?).
  5. Quem levarias contigo para a ilha de Adão e Eva? A minha família. Sem eles não sou nada. Nem saberia respirar.

 

E ainda deixou-nos uma mensagem:


"Pois é.

De um modo de passar o tempo e continuar a estimular o meu intelecto, o blog ganhou vida própria e quis crescer.

Não consigo imaginar-me sem esta interacção.

E estar nomeada, entre tantos blogs de enorme qualidade, é a recompensa pelo tempo que lhe dedico.

Já tenho falado sobre isto: eu perco, literalmente, dinheiro com o blog. O tempo que despendo a escrever e a pesquisar render-me-ia alguns euros a trabalhar na costura criativa.

Mas faz-me feliz e isso, meus amigos, não há dinheiro que pague!

Esta nomeação – e visibilidade – só são possíveis graças à iniciativa “Sapos do Ano”.

Por muito que me esforce, não consigo imaginar a trabalhêra que isto dá.

As palavras de gratidão e admiração para com os dinamizadores – a Magda e o David – nunca serão suficientes.

Sem vocês, o bairro não seria aquilo que é!

Obrigada a todos.

E não se esqueçam: as votações estão a decorrer.

Não percam a oportunidade de mimar os vossos blogers preferidos."

 

Podem votar nesta final aqui

25.11.19

Finalistas 2019 - Existe um Olhar

Hoje conversámos com uma das finalistas do Sapos do Ano, na categoria de Fotografia, a Manuel. Ela é autora do blog Existe um Olhar.

  1. Conta-nos como foi o nascimento do teu blog. Inicialmente comecei com um blog de escrita e de vez em quando colocava uma foto.
    Um dia um amigo  propôs-me que fizesse um blog só de fotos.
    Como eu não sabia como se fazia, dei-lhe carta branca para construir o" O Existe um Olhar". Hoje apesar de outros que tenho é à fotografia que me dedico.
  2. Como tem sido a interacção com outros bloggers? A minha interacção com os  outros bloggers tem sido óptima, já conheci alguns pessoalmente e criámos verdadeiros laços de amizade.
    O saldo tem sido positivo.
  3. O que achas que leva as pessoas a gostarem do teu blog e a seguirem-te? Penso que o que leva as pessoas a gostarem do meu blog é divulgar os muitos lugares que tenho visitado por esse mundo fora.
  4. Consideras que o teu blog está bem categorizado nos Sapos do Ano? Ainda não fui ver como está o meu blog, mas só o facto de estar nomeada deixa-me feliz.
  5. Quem levarias contigo para a ilha de Adão e Eva? O que levaria para a ilha de Adão e Eva, seriam todos os que visitam e comentam e mesmo não os conhecendo todos, sinto que  a maior parte deles são meus amigos..

E ainda deixou-nos uma mensagem:

"Vivo sozinha, tenho um filho já independente.
A blogosfera foi uma maneira que encontrei para colmatar os meus momentos de solidão.
Gosto de viajar e tenho feito viagens incríveis que me marcaram para a vida toda.
Tenho consciência de que ainda muito tenho de aprender a nível fotográfico. Já fiz muitos workshops e inscrevi-me no MEF (Movimento de Expressão Fotográfica) e com eles tenho feito algumas viagens sempre aprendendo, porque os pequenos grupos vão acompanhados por dois fotógrafos que nos ajudam e tiram dúvidas. Tornei-me mais atenta aos pormenores.
Concluindo:
Fotografar é uma paixão, um escape, uma terapia, porque enquanto ando com a máquina na mão , não penso em mais nada. "

 

Podem votar nesta final aqui

24.11.19

Finalistas 2019 - Alice Alfazema

Hoje conversámos com uma das finalistas do Sapos do Ano, na categoria Generalista, a Alice. Ela é autora do blog  Alice Alfazema.

 
  1. Conta-nos como foi o nascimento do teu blog. O meu blog nasceu de parto normal, veio ao mundo meio envergonhado, mas hoje já tem quase dez anos, está crescido e deixou a timidez de lado.
  2. Como tem sido a interacção com outros bloggers? A interacção com outros bloggers tem sido muito boa, tenho conhecido gente fantástica, que me motiva, que me espevita a imaginação, no geral não tenho nada para me queixar. Sou no entanto um pouco preguiçosa para responder aos comentários. Não tenho muito tempo. Desculpem. 
  3. O que achas que leva as pessoas a gostarem do teu blog e a seguirem-te? A surpresa e a observação do universo mais básico.
  4. Consideras que o teu blog está bem categorizado nos Sapos do Ano? Não percebo muito bem o que significa ser generalista, eu diria que para mim este termo não faz sentido, é muito superficial, dá a sensação que não há pensamento crítico, quando é isso que mais valorizo no meu espaço, a arte de saber pensar, mesmo que seja nas coisas mais simples do quotidiano. 
  5. Quem levarias contigo para a ilha de Adão e Eva? Levava o meu companheiro de vida, e um descaroçador de maçãs.  
 
 
E ainda deixou-nos uma mensagem:
 
 
Porque as coisas simples valem tão pouco, mas têm tanta importância?
 
 
Podem votar nesta final aqui

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D