Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Sapos do Ano

Evento independente que visa premiar os melhores blogues da nossa praça (não ligado a qualquer plataforma/empresa ou entidade)

Sapos do Ano

Evento independente que visa premiar os melhores blogues da nossa praça (não ligado a qualquer plataforma/empresa ou entidade)

06.10.18

Finalistas 2017 - Domingo à tarde

Ora então...bom dia Magda, bom dia ao outro rapaz que organiza isto e bom dia a todos.

Eu recebi este convite porque parece que fiquei nos primeiros lugares da minha categoria o ano passado, e o mais incrível é que houve mais que uma pessoa (que seria eu) a votar no Domingo à tarde, o que me parece manifestamente exagerado. E acreditem que não paguei por isso, que é ainda mais incrível. Quantos às perguntas que foram elaboradas (e bem) por esta organização, ora aí estão as minhas respostas (boas respostas) que espero que a organização aceite e não bufe.

Fala-me do teu blogue...

Domingo à tarde nasceu numa Terça e logo aí é um espaço sem coerência nenhuma. É um blogue que tanto serve para os humoristas, como servirá para o lifestyle, cineastas e os psicopatas. Mas dá-me um tremendo gosto escrever lá, conhecer a comunidade, parte dela pessoalmente. E deu-me  também a oportunidade de me mostrar, porque de facto sou eu que estou no Domingo à tarde e não uma pessoa fictícia.

 

Que tipo de pessoa te tens sentido desde que escreves?

Escrever é o meu grito, a minha voz, o meu desabafo. Não é o primeiro blogue que tenho, mas sinto que para algumas pessoas já é uma marca ao qual me associam e isso é óptimo. Mas escrever dá-nos a possibilidade de explorar um mundo que poderá ser real, de afinar uma estratégia para nós que poderá estar constantemente na corda bamba. Além dos benefícios conhecidos que existem por escrevermos.

 

Como tem sido a interação com outros bloggers? Ou é algo que ainda precisas de fazer crescer com o teu blogue?

Magda e David, tem sido maravilhoso. Tive almoços/jantares/cafés com várias pessoas da nossa praça, e tem sido extremamente positivo conhecer a posição real de pessoas que geralmente conhecemos atrás do ecrã. Além de aprendermos imenso com elas, acabamos por ter ali um porto de abrigo para o resto da vida. E isto é tão válido para mim como para qualquer pessoa que possa ter essa oportunidade.

 

Que vantagens vês em participar no Sapos do Ano e o que esperas da edição deste ano?

Primeiro o cachet. Nunca participaria no concurso sem contrapartidas financeiras. 

Agora a sério, o Sapos do Ano permite que possamos trazer ao de cima cada vez mais blogues, muitos deles desconhecidos, para a ribalta. Que possamos dar a conhecer o trabalho, a opinião ou simplesmente as pessoas que estão por detrás dos blogues. Além de que permite imensos convívios (espero que saudáveis) entre todos, a sensação de que realmente nunca estamos sozinhos no mundo e de que temos tudo para conhecer grandes amigos aqui, sem margem para dúvidas. Este ano, com a Magda fortíssima como no ano passado e o David que é uma pessoa incrível, creio que a edição deste ano tem tudo para ser um imenso sucesso que espero que possa chamar a atenção para um fenómeno que muitos achavam que estaria a morrer, o do blogging, que cresce a olhos vistos. 

 

Não se esqueçam de nomear os vossos blogues favoritos para os Sapos do Ano 2018

4 comentários

Comentar post

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D